quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Buscando o Equilíbrio Mental e Físico através da Aromaterapia

 A pedido da amiga e leitora Mirian Luduvico faço esse post com base nos ensinamentos da sensitiva Márcia Fernandes acerca desse assunto tão interessante e envolvente que é a Aromaterapia.

 Sabe aquele cheiro que você adora de uma comida sendo feita, de um café sendo preparado, de uma flor que você adora ou até mesmo de um perfume que te traga boas lembranças? Tudo isso obviamente está ligado a um dos nossos sentidos mais especiais: o olfato. 

 Através dos cheios podemos nos ver rodeados de boas lembranças, de esperança e de calmaria. 
 Partindo deste princípio, a Aromaterapia é uma ciência que consiste em usar perfumes e aromas extraídos de plantas e flores para tratar desequilíbrios emocionais, físicos e espirituais favorecendo a eliminação de males internos e externos. 
A prática nasceu no antigo Egito quando a população passou a estudar os motivos que levavam determinados cheiros a elevar ou baixar seu estado de espírito.
 A esses extratos dos vegetais que resultam em deliciosos aromas damos o nome de “essências ou óleos essenciais”. São neles onde estão as substâncias que dão perfume às plantas, trazendo a cada uma delas seu odor especial.
 Esses óleos essenciais são produzidos por minúsculas glândulas presentes nas pétalas, no caule, na casca, na raiz e na madeira de quase todas as flores, plantas e árvores. 
 Na natureza essas glândulas liberam os aromas das plantas de forma progressiva, porém, quando cuidadosamente aquecidas ou trituradas, elas liberam seus os odores com uma potência muito mais elevada.
 Os usos dos óleos essenciais são muito diversificados, podendo ser utilizados na massagem corporal, inalação através de incensos, difusores ou sprays e podem também ser colocados diretamente na água de banho ou em escalda-pés. 
 Podem também vir em forma de velas através da junção da cera com o óleo essencial, que quando acesa libera o agradável aroma. 
 A funcionalidade dos óleos essenciais são divididos em três categorias:
• Os que tonificam o organismo e estimulam o bom humor
• Os que regulam e estimulam as principais funções do nosso corpo
• Os que têm um efeito calmante sobre o corpo e o espírito.

 Segue uma pequena lista de alguns aromas e para que servem:
Alecrim: estimula a circulação, analgésico e descongestionante;
Camomila: relaxante, anti-inflamatório, antialérgico e digestivo; refrescante. Indicado para dores de cabeça e depressão;
Cânfora: refrescante e estimulante. Indicado em resfriados, reumatismos, acne, insônia;
Cedro: sedativo. Usado para angústia, bronquite e tosse;
Cipreste: adstringente, estimulante da circulação e antisséptico;
Eucalipto: descongestionante, antiviral, antibacteriano e estimulante. Indicado para edemas e dores musculares;
Gerânio: anti-inflamatório e antidepressivo. Refrescante e antiespasmódico. Para problemas urinários e infecções virais;
Hortelã: digestivo, descongestionante;
Jasmim: relaxante e calmante. Serve para tratar apatia e pele seca;
Lavanda: antiespasmódico;
Limão: refrescante e estimulante. Para problemas circulatórios, hipertensão e acne;
Manjerona: antisséptico, antiespasmódico, anti-inflamatório; Indicado para tratar enxaquecas, cólicas e equimoses.
Patchouli: relaxante. Indicado na depressão e pele seca.
Pimenta Rosa: estimulante. Usado em problemas digestivos, resfriados e diarréia;
Tangerina: antidepressivo, anti-inflamatório.

As Velas Aromáticas
 No que concerne às velas, não só seu aroma define suas propriedades mas também o formato, a cor e o tamanho, trazendo benefícios à nossa vida. Aqui vão alguns exemplos:
- Alecrim: protege e abre os caminhos.
- Amadeirado: traz dinheiro e emprego.
- Arruda: afasta a inveja.
- Benjoim: traz felicidade ao lar.
- Cânfora: traz purificação para nossa alma.
- Cedro: atrai prosperidade financeira.
- Dama-da-Noite e Rosa Vermelha: traz muito amor.
- Eucalipto: diminui a ansiedade.
- Florais: prosperidade amorosa.
- Hortelã: traz justiça à sua vida.
- Lavanda: elimina o olho gordo.
- Limão e Alfazema: afastam larvas espirituais.
- Maçã e Mel: muita fartura em todos os aspectos.
- Madeira: atrai bens materiais.
- Menta: acalma a alma.
- Mirra: traz nobreza à sua alma.
- Opium: o aroma do prazer.
- Orquídea: traz sensualidade.
- Patchouli: muita paixão para sua vida.
- Pêssego: sentimento de amizade verdadeira.
- Pinho: elimina o estresse.
- Sândalo: favorece conquistas materiais.
- Verbena: afugenta almas trevosas.
- Violeta: elimina todos os nossos carmas.

Os Aromas dos Signos
 Assim como nossos signos regem nossas vidas, para cada um deles há determinados aromas que fazem extremo bem àqueles que por eles são regidos trazendo-lhes boas vibrações. Confiram as dicas:


Áries: benjoim e bálsamo
Touro: alfazema e almíscar
Gêmeos: patchouli e rosa
Câncer: jasmim e rosa
Leão: canela e sândalo
Virgem: almíscar e sândalo
Libra: jasmim e violeta
Escorpião: bálsamo e sândalo
Sagitário: almíscar e lótus
Capricórnio: lótus e violeta
Aquário: jasmim e lótus
Peixes: almíscar e rosa

  

 Eu já fiz muito uso da Aromaterapia especialmente na minha adolescência e é impressionante como de fato essas essências fazem bem ao nosso "eu". Considerado essa prática muito válida e sempre que posso faço uso desses aromas! Adoro!

 Espero que tenham gostado das dicas!

 Um grande beijo a todos! 

Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. AMIGA...FICOU PERFEITO ESSE POST...ERA TUDO O Q EU PRECISAVA.... PARABÉNS...BJAO

    ResponderExcluir


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©