sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Filme "O Fabuloso Destino de Amélie Poulain"

Le Fabuleux Destin D'Amélie Poulain (França, 2001)



Direção: Jean-Pierre Jeunet
Roteiro: Guillaume Laurant (roteiro e diálogos), Jean-Pierre Jeunet (roteiro)
Gênero: Comédia/Romance
Duração: 122 minutos
Elenco: 
Audrey Tautou (Amélie Poulain)
Mathieu Kassovitz (Nino Quincampoix)
Rufus (Raphael Poulain)
Yolande Moreau (Madeleine Wallace)
Artus De Penguern (Hipolito)
Urbain Cancelier (Collignon)
Maurice Bénichou (Dominique Bretodeau)
Dominique Pinon (Joseph)
Claude Perron (Eva)
Michel Robin (Pai De Collignon)
Isabelle Nanty (Georgette)
Clotilde Mallet (Gina)
Claire Maurier (Suzanne)
Serge Merlin (Dufayel)

Sinopse: Após deixar a vida de subúrbio que levava  com a família, a inocente Amélie (Audrey Tautou) muda-se para o bairro parisiense de Montmartre, onde começa a trabalhar como garçonete. Certo dia encontra uma caixa escondida no banheiro de sua casa e, pensando que pertencesse ao antigo morador, decide procurá-lo  e é assim que encontra Dominique (Maurice Bénichou). Ao ver que ele chora de alegria ao reaver o seu objeto, a moça fica impressionada e adquire uma nova visão do mundo. Então, a partir de pequenos gestos, ela passa a ajudar as pessoas que a rodeiam, vendo nisto um novo sentido para sua existência. Contudo, ainda sente falta de um grande  amor.


Crítica: Para quem não conhece o filme e lê a sinopse pensa tratar-se de um filme bobo e eu não fui diferente, apenas o loquei para ver o porquê dele ser tão cultuado com vários e vários fãs ao redor do mundo mas confesso que não esperava muito. Me enganei redondamente, tive uma agradável surpresa.

Este filme é do tipo ou você ama ou você odeia. Já vi muitos críticos e espectadores malharem este longa e também já vi muitos caírem de amores por ele, eu com toda certeza sou desse último time. Já perdi a conta de quantas vezes o assisti e sempre me encanto com ele. 

Tudo nesse filme é gracioso. Audrey Tautou está perfeita como Amélie, a trilha sonora é encantadora, o roteiro é magnífico e a fotografia um verdadeiro espetáculo: rica em detalhes e cores que nos faz ter a sensação de estarmos diante de uma obra de arte.

Este filme é diferente de tudo que já vi, não sei nem mesmo em que gênero ele se enquadra posto que é um misto de drama com romance, com comédia, com aventura. Christian Petermann, crítico do Guia Folha costuma o chamar de "dramédia comântica", não vejo melhor intitulação.

Amélie para mim é uma obra prima, uma fábula moderna. É fofo, romântico, terno, sensível e cômico. A presença do narrador que narra todos os acontecimentos do filme o torna ainda mais divertido e descontraído, um toque incomum que nos faz ficar presos ao filme durante toda a exibição. 

É lindo para o coração, é lindo para os olhos, é lindo para os ouvidos!

Enfim, Amélie Poulain é um magnífico filme para se assistir com o coração aberto a fim de apreciar um enredo inovador e uma bela história de vida. Recomendadíssimo! 

Assisti e aprovei !!


 Confiram o Trailer:



Nenhum comentário:

Postar um comentário


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©