sábado, 29 de outubro de 2011

Filme "Encontros Macabros" / "Fenômenos Paranormais" (Grave Encounters)

Ano de Lançamento: 2011

Sinopse: A equipe de um programa de TV especializado em investigação paranormal vai a um antigo hospital psiquiátrico gravar um episódio sem fazer ideia do que os espera.

Crítica: Mais um filme ao estilo found footage (filmagens perdidas) como Atividade Paranormal e A Bruxa de Blair recebi indicação dele por uma leitora e amiga e hoje o assisti. 

 Sou da seguinte opinião: filme de terror bom é aquele que te dá medo, que te deixa pensando toda hora nele, que te deixa com medo de ficar sozinha, enfim, que te dá essa sensação primitiva. 

 Como já assisti milhares de filmes desse gênero estou meio que digamos "calejada" e para eu ficar com medo de um filme precisa de MUITO, mas de muito mesmo e lhes digo meus leitores: ESSE FILME CONSEGUIU me deixar assim!

 Sem dúvidas foi o melhor filme que vi nos últimos tempos se não o melhor, visto que Atividade Paranormal que na minha opinião era o mais perfeito nesse gênero até agora, fica no chinelo perto deste.

 O filme se difere dos dois citados pelo fato de ser em estilo "documentário" e desta vez, ao contrário do que acontece em The Pougheepsie Tapes (que já postei a crítica aqui)por exemplo, ele é realmente convincente. 

 A trama gira em torno da equipe de um programa de TV chamado Grave Encounters que através de encenação induz o espectador a acreditar que eles vão até determinados locais estudar fenômenos paranormais e resolvem "investigar" o Hospital Psiquiátrico Collingwood, um dos lugares mais assombrados da América, porém, o que eles não esperavam é que lá esses fenômenos de fato acontecem e ao invés de encenação, deparam-se com o mais verdadeiro horror.

 Eu não sei, mas se algum de vocês já assistiu a série "Paranormal State", programa do canal a cabo A&E que é justamente nesse formato de "investigação paranormal", tive a nítida impressão de que este filme faz uma crítica pesada a ele pois a abertura do Grave Encounters , o depoimento inicial do apresentador e a chamada de apresentação do médium que ajuda na investigação são IDÊNTICAS àquele, inclusive as falas. Foi uma certa decepção pra mim pois confesso que sempre achei que o que acontecia no "Paranormal State" era real...sou viciada nessa série!

 Continuando, ao contrário de outros filmes nesse estilo, esse é ativo, sem muita enrolação e mantém o clima tenso durante toda a tomada que se dá inclusive pela ausência total de trilha sonora. No início ele se apresenta bem descontraído mas logo o clima tenso toma conta da exibição. Para vocês terem uma ideia, com 20 minutos de filme eu já estava apavorada, tive que parar um pouco para "respirar" e voltei a assisti-lo. A todo momento cobria parcialmente os olhos com medo do que estava por vir.

 Ele se mostrou um filme totalmente diferente pois apresenta vários subgêneros do terror, só não vou falar quais para não estragar a quem ainda não assistiu e a propósito um deles foi totalmente desnecessário, mas isso não tira de forma alguma a graça do filme. Me lembrou vários filmes como o próprio Atividade Paranormal, além de REC, Holocausto Canibal, dentre outros. 

 O clima tenso e de pura adrenalina lembra bastante REC e REC 2. 

 Os atores são espetaculares! Conseguem passar medo e aflição com naturalidade e conseguem fazer com que o filme prenda a atenção daquele que o vê, querendo saber o que irá acontecer. É o tipo de filme que a hora passa voando quando o assiste.

 Só achei que ele possui algumas (pouquíssimas) cenas um tanto quanto forçadas, alguns clichês e uma absolutamente desnecessária e nojenta, mas todas se enquadraram bem na história.

 Outro ponto negativo foi a ausência de informações como "quem achou as fitas", o porquê de certas coisas acontecerem durante o filme e o que houve com todos. Talvez essa ausência seja um gancho para um segundo filme e bem que eu gostaria que acontecesse especialmente se for ao estilo REC 2 onde o segundo filme inicia-se exatamente no ponto em que o primeiro parou. 

 O final do filme me deixou bem perturbada e não tiro ele da cabeça. Aliás, meus queridos leitores, uma dica a quem for assistir: assim como em "A Bruxa de Blair" onde se você não presta a devida atenção em uma única frase falada no início você não entende o final, aqui o mesmo acontece, então prestem bastante atenção nas informações apresentadas no início do filme pois ele explica o desfecho final. 

 Eu, por exemplo, não notei o que foi falado e fiquei com um ponto de interrogação ao fim do filme, só entendi o que acontecera depois de pesquisar na internet e fiquei mais amedrontada ainda! #Juro. 

 A ideia de Grave Encounters foi totalmente original e cumpre com maestria sua proposta. É um sério candidato a virar meu atual filme de terror favorito!

 Gostei DEMAIS! Nota 10! Assisti e super recomendo!

 Confiram o Trailer:




Comente com o Facebook:

5 comentários:

  1. acabei de assistir e e gostei bem dele. parece mesmo aquele bruxa de blair, mas ficou a ponta inacabada da coisa mesmo tipo o que foi dito no final que parece que vai ter o 2 pra explicar o resto do filme. de todo modo o filme 'e bom e espero o dois se assim o vier.

    ResponderExcluir
  2. Acabei de ver, mas não entendi muito pois não vi o inicio(tava travando) e pulei para a parte onde eles falam com o zelado.Eu vi com minha mae(que é bastante inteligente).Pois bem, quero que me ajude.
    Entendi que: Ele estão presso em outra dimensão, de onde eles não podem sair até receber o "tratamento", oque o cara disse no final, nessa dimensão eles tem papeis invertidos, (pois, os espiritos são torturados e feitos de experimentos pelos médico, que também são fantasmas),no caso agora, os humanos, tão sendo torturados, pois o "MATT", até diz: "Ele vai deixar nós sairmos, assim que termirna", ou algo assim, e no final também. Porém no final o cara diz."Ele falou que já estou bem melhor e posso ir para casa".
    Não entendi o final, nem se eles voltaram para casa?
    PS: Foi o que eu entendi, na minha opnião.
    PS.2: Podem me dizer, se vai ter continuação? Me explica o final. Até...

    ResponderExcluir
  3. Achei o filme fraco, no começo estava adorando o filme, achei ótima a ideia (e assustadora também) mas no desenrolar do filme acho que não conseguiram manter a tensão, achei quase todas as cenas pouco assustadoras. e na minha humilde opinião, REC é o melhor filme desse estilo, mas só o primeiro, o 2 achei fraco também.

    ResponderExcluir
  4. Gostei do filme...
    Apesar de eu ter 16 anos, eu não tenho medo nem me assusto com nada nesse mundo, nem acredito em fantasmas, oque não me fez adorar o filme...
    Mas sem dúvida é um bom filmes...
    Nota 9, espero o 2.
    Meu gênero favorito são filmes de terror, mas tem que ser um super terror para eu me assustar...
    abraço galera! ;D
    Ass. 'Wj'

    ResponderExcluir
  5. no dois o cara ainda ta vivo dentro da casa depois de 9 anos passados,uma equipe de adolecentes resovem fazer um documentario sobre esse lugar e acabam ficando presos la tambem e acabam encontrando esse cara do primeiro filme!!!!!

    ResponderExcluir


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©